sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Poemas Infantis

O poeta Alexander Herzog apresenta dois de seus poemas infantis:

O Pato Travesso

O pato pulou a paçoca
Caiu e quebrou o caneco
Chorou e chamou o marreco
E este lhe deu uma beijoca

O pato travesso correu no quintal
E as galinhas cantaram e piaram que só
E disse a todos: quem quem, que legal!
E o galo cantava có-có-có-ricó!

O pato travesso vôou pelo pasto
E o levado quase causou um acidente!
Caiu bem pertinho do peixe no lago:
Coitado do pato levado minha gente!

O pato agitado voltou bem cansado
Tristonho olhou o papagaio risonho
Que disse assim: vem pra cá seu levado!
Que a gente te cuida e te dá outro sonho

E o pato levado sorriu acanhado
E disse a ele: obrigado meu bem!
Balançou serelepe seu rabo molhado:
- Não adianta qu'eu sou pato: quem-quem!

*************************************************
site: http://opatotravesso.blogspot.com/2010/07/o-pato-travesso.html


O Papagaio Guloso

O papagaio fominha e guloso
Voou pra cozinha na hora do almoço
Setniu o cheirinho: ai que gostoso!
- E me dá desse bolo um bom pedaço

O papagaio guloso e fominha
Rondou a cozinha no café da tarde
Olhou para o doce e viu a abelhinha
- Vamos comer mas sem alarde!

O papagaio comilão e esganado
Correu pela mesa com o biscoito no bico
Saltou bem na pia e deu um abanico:
- Que biscoito gostoso, esse tá danado!

O papagaio lambiscado e pançudo
No final da tarde entrou na cozinha pela janela
Voando e caiu no chocolate dentro da panela:
- Viu o que dá ser guloso e abelhudo!

O papagaio voltou a seu poleiro ao por do sol
De tanta traquina e comida estava empanzinado
Mas o papagaio fominha, olha só que gozado:
De sobremesa papou sementinhas de girassol

*******************************************************
site: http://papagaiogulosoherzog.blogspot.com/

Alexander Herzog é autor do blog "Expressão": http://alexanderherzog.blogspot.com/

Um comentário:

Anônimo disse...

Adorei esses poemas!

Itié